sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Todos ao Convés!

Como hoje é o dia de se falar como pirata, e como eu acabei de ler meu Manual 3D&T Alpha, resolvi criar um personagem (não, não tá com pontuação certa) pra satisfazer minha enorme vontade e por que eu quer enrrolar um pouco pra não faezr o que eu tenho que fazer.
Sem mais delongas: o Capitão Cova Semi-Aberta!

Antigamente, seu nome era Jackes Demandar, mas depois de receber 18 tiros no peito e de ser lançado aos tubarões por seu antigo capitão (por uma coisa tola, ter devorado algumas frutas valiosas que seriam vendidas pelo misero preço de 200 peças de ouro cada), passou a se chamar simplesmente de “morto”.
Algum tempo depois, o capitão magicamente foi devolvido ao mundo e passou a vagar atrás de seu capitão.
Depois de encontrá-lo e matar o bandido (matar de fato) Jackes tomou o seu navio – o Arroto das Marés – e passou a pilhar os sete mares (ou os nove, de acordo com ele). Sempre passando longe de frutas.

Depois de algum tempo, Jackes conseguiu reunir uma tripulação e acabou por receber o apelido de “Cova semi-aberta”, pois sempre que ele estava para morrer, acabava voltando.
O Capitão do Arroto das Marés é assombrado muitas vezes pelo espirito de sua tia, que o criou desde os 9 anos, e que sempre tenta fazê-lo largar a vida de pirata.

Capitão Cova Semi-Aberta (9 pts): F4, H3, R2, A2, PdF0; 20 PVs, 10 PMs; Imortal (1 ponto), PVs extras (1 ponto); Assombrado (-1 ponto), Fobia (frutas; -2 pontos) Má Fama (-1 ponto).

4 comentários:

  1. A quanto tempo caro amigo Vill, não vim aqui para tratar deste tópico em si, mas parabeniza-lo pelos bons trabalhos e frutos deste blog, foi uma grande idéia faze-lo!!!

    Sou eu o Davi, lembra =P, amante de paladinos e viciado em ragnarok ^^

    Então, vim pedir por classes novas baseadas em ragnarok =P e também talentos, habilidades especiais para classes e magias, enfim, algumas regras, peço também regras para meio abissais e outros tipos de demônios, levando em conta que meu amigo está adaptando ragnarok para d&d 3E... mas é uma adaptação bem noob =P
    meu personagem é um meio demonio templário =P tehe... lgl a idéia neh, também me disponho a ajudar no blog caso precise =P

    E longa vida ao RPG meu grande amigo...

    Evolui muito na área desde a ultima vez que nos vimos e embora não seja especialista na área, ja tenho experiência o suficiente pra dar uma grande ajuda ^^

    Espero respostas =P

    ResponderExcluir
  2. Hehe. Po, tu estuda tanto que nem da de agente se falar mais XD

    As classes básicas do ragnarok tem numa DSlayer (lembra?), e na Beholder Cego, que foi quem fez a matéria inicialmente (te passo o link pelo orkut).

    Meio-abissal templário é? Caraio véio, eu que achava que meus halflings paladinos e monges anões eram estranhos... mas voltando ao assunto: Livro dos Monstros (D&D 3.5) fala sobre meio-abissais, como criá-los e tem um exemplo. Tem meio-celestial também.

    Talentos e o resto eu vejo outra hora :)

    Até.

    PS: é claro que eu quero ajuda!

    ResponderExcluir
  3. Sim... das classes básicas eu sei,
    mas como todo o bom jogador de rpg, visamos a evolução, o transcedental, e claro, as habilidades...
    quanto aos meio abissais, vlw, vo da uma olhada pra ter uma base, mas n eh o meio abissal comum... digamos que eu negue meu lado demônio ;)
    por isso fica um pouco complicado com as regras =P

    espero que a gente se fale logo, quando iniciar a campnha, te mando relatos dos acontecimentos, qlqr coisa, to ai ;)

    se cuida

    ResponderExcluir
  4. Essa coisa de negar o lado abissal é só background, nem se esquenta com regras (é só tentar não usa os poderes demôniacos do modelo)

    To começando uma campanha de Naruto pro novo 3D&T e (pretendo) colocar um diario aqui mesmo.

    Até.

    ResponderExcluir